terça-feira, 2 de junho de 2015

Enquanto isso no Brasil...






A operação que escancarou mundialmente os esquemas da cultura de corrupção na FIFA e, que obviamente atingem diretamente a CBF representam o fim de uma era de cobrança de propina, lavagem de dinheiro, sistêmico balcão de negócios escusos e vários outros crimes cometidos por cartolas. Tomara que a partir dessa brilhante e corajosa  operação do FBI com apoio de dirigentes suíços, as nossas autoridades resolvam também investigar esquemas semelhantes e, com o mesmo grau de prejuízos não só à uma classe de trabalhadores, como também para toda a sociedade brasileira. Eu me refiro ao Sindicato dos Músicos de São Paulo e Ordem dos Músicos do Brasil/CRESP. Já passou da hora de fazer valer a Lei 12527/2011- Lei de Transparência, sobretudo, no que se refere aos artigos 3º,4º e 5º.

Saiba mais acessando:







Volta ao início